Arquicast 082 – Livros clássicos: Da Bauhaus ao nosso caos (Tom Wolfe)

Participam: Adilson Amaral (@adilsonamaral), Rapha (@_rapha), Caio Smoralek (Studio CSD), Guga (@gooogla) e João Queiroz Krause.

Este livro curto e ácido conta, pela perspectiva de um americano, a arquitetura moderna do século XX como um “reduto”, onde apenas iniciados podem ingressar no debate e apreciar suas obras. A sua avaliação sarcástica atinge os modernos e os pós-modernos, ou seja, não poupa ninguém. E, por fim, tenta relatar como esse mesmo reduto se mantém deslocado dos desejos e interesses dos usuários ou, como ele mesmo chama, os “clientes”.

O texto é marcado pela agilidade e sarcasmo do chamado New Journalism, descrevendo o círculo da arte contemporânea dos EUA como uma “aldeia” que privilegiava o expressionismo abstrato em função da pintura figurativa. Assim como o seu autor, o jornalista Tom Wolfe, os críticos aos livros foram muitos. Um deles, Michael Sorkin, diz que “Tudo que Tom Wolfe não sabe sobre a arquitetura moderna daria para encher um livro. E encheu, de fato, ainda que seja um bem fininho”. Já Paul Goldberger diz queEle faz exatamente aquilo contra o que nos adverte: ele escutou as palavras, não olhou para a arquitetura”. Será? Hoje, na série Livros clássicos, vamos falar do livro Da Bauhaus Ao Nosso Caos!

Link para matéria no ArchDaily


Comentados no episódio:




Comentários, críticas, sugestões: contato@arquicast.com


Assine o feed: iTunes | Android | Feed


Siga nosso canal no YouTube


arquicast Written by:

Be First to Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *